Neste contexto, vemos despontar o termo Business Intelligence (BI) como uma forma de encarar o grande desafio pois a empresa precisa se organizar e inovar.

2436

Por que você deveria adotar o BI

Hoje em dia, com a era digital, toda empresa vive uma transformação constante devido à inclusão de tecnologia crescente, de modo que, cada vez mais, as organizações precisam aprender a lidar com a necessidade de armazenar, organizar e agir frente a um conjunto cada vez maior de informações.

Uma pesquisa patrocinada pela Qlik, parceira de fornecedores de serviços para prover soluções de BI, mostrou, por exemplo, que 83% dos entrevistados reconhecem a análise de dados (tanto relativas a finanças quanto a clientes) como responsável pelo crescimento de seu faturamento em, ao menos, 5%.

A mesma pesquisa revelou que um dos principais desafios internos para prover dados é, justamente, o fato de eles se encontrarem em sistemas e fontes diferentes (problema reconhecido por 42% dos entrevistados).

Se dominar tecnologia é tão importante para analisar e utilizar os dados que os sistemas de informações de sua empresa possuem, qual seria a fórmula para garantir diferenciais que a façam crescer?

Neste contexto, vemos despontar o termo Business Intelligence como uma forma de encarar o grande desafio, já que a empresa precisa se organizar e inovar em meio ao cenário – que vem se formando não é de hoje.

Funcionando, geralmente, por meio de plataformas, está comprovado que BI ajuda a potencializar negócios, por diversos fatores. Para entender melhor, vamos falar de alguns deles. Acompanhe!

Parecendo uma realidade ainda um tanto quanto distante para certas empresas, a sensação que a inserção de BI gera em muitas equipes e gestores é a de que não será muito fácil lidar com uma novidade na forma de ver e gerir os dados.

Por vezes, o termo ainda parece um desconhecido e muitos colaboradores podem se perguntar: mas, afinal, o que uma nova plataforma (recursos, softwares) vai fazer de diferente em relação ao ERP que é usado hoje?

Na verdade, BI vai trazer crescimento porque unirá forças para combinar dados antigos com novos, a fim de gerar relatórios ou análises mais consistentes, com a facilidade e fluidez que se espera deste processo para tornar tudo mais produtivo.

Uma empresa que adota BI transfere dados de seu local anterior com facilidade para um novo diretório que irá “cruzá-los” em busca de interpretações inteligentes real-time.

Gestores, geralmente, investem em sistemas por desejar ter informação expressa, assim que precisar, sobre seus negócios. E isto é perfeitamente normal e recomendado.

Contudo, a rotina de trabalho, cada vez mais agitada, pode “engolir” o tempo disponível para interpretar estes dados manualmente ou discuti-los entre equipes, colocando o projeto de transformá-los em estratégia para crescer em risco de declínio.

Com BI funcionando na empresa, isto não acontece, pois a dinâmica de tempo e energia para gerar inteligência é otimizada, de modo que o acesso a importantes KPIs e indicadores se torne muito mais rápido e descomplicado.

A diferença, portanto, é como um sistema gera mais do que informação: gera um “norte”.

Tal “norte”, por sua vez, permite atender melhor o cliente, inovar no mercado para sair na frente dos concorrentes, desenvolver melhores produtos e serviços (inclusive customizados e/ou exclusivos) e, por fim, aumentar os lucros e o crescimento em longo prazo.

E então, você utiliza os dados da sua empresa de maneira inteligente e estratégica? A Kyros trabalha com as principais ferramentas de BI: QlikView, Cognos TM1, Tableau, PowerCenter, Pentaho, SSIS, DataManager, Data Stage, ente outras.  Fale conosco e descubra como fazer ainda mais!

Postado por Kyros Tecnologia em 11 maio, 2017


Comentários

[e-Book] Guia completo para investir em BI

POSTS RELACIONADOS