8303
Inteligência Artificial impactos na nova era

Desde os anos 50, o mundo ganhou uma tecnologia chamada de Inteligência Artificial e, desde então, os seus impactos são sentidos em diversas áreas, até mesmo em simples atividades do cotidiano: sejam com eletrodomésticos inteligentes ou a utilização de assistentes como a Alexa e o Google Assistente. 

Na era da gestão inteligente, as decisões são tomadas de forma estratégica, visto que por meio da inovação tecnológica é possível ter acesso a diversos dados concretos que contribuem para avaliar o progresso de um planejamento. 

Pensando nisso, neste artigo, vamos abordar quais as principais transformações que a Inteligência Artificial promove nos sistemas empresariais.  

Como funciona a Inteligência Artificial? 

O termo Inteligência Artificial refere-se a uma especialidade da ciência da computação que busca simular a forma como os humanos interagem com os dados. 

No entanto, não deve ser confundida com a computação cognitiva e o machine learning, apesar da grande similaridade com essas áreas.

A Inteligência Artificial usa um algoritmo próprio e, dessa forma, a máquina é treinada para desenvolver sua aprendizagem e operar corretamente dentro de um domínio específico. 

Só para ilustrar, imagine que você decida aprender inglês, com apenas 2 meses de curso decide viajar para outro país. Nesse caso, não vai ser capaz de se comunicar corretamente, porque ainda não recebeu treinamento para isso. 

Porém, à medida que for tendo contato repetidamente com certas palavras, você começa a compreender o seu significado e volta da viagem com seu inglês mais aprimorado.

Depois de 4 anos estudando, resolve viajar novamente e acredita que já sabe tudo de inglês. Contudo, ao chegar lá, descobriu novas expressões locais, que não foram ensinadas no curso.

Apesar disso, de forma geral, consegue se comunicar bem. Mas, se na viagem algum turista pedir uma informação em alemão, você não vai conseguir entender, porque o seu aprendizado foi sobre a língua inglesa.

De forma similar, um sistema pode ser gradualmente ensinado e treinado e, conforme for exposto a novas situações, o seu aprendizado aumenta, é um processo contínuo. 

Ainda assim, a máquina recebeu treinamento para fazer uma atividade específica. Por isso, não se espera que realize outras funções fora do seu campo de atuação.

Existem diferentes formas de criar um sistema de Inteligência Artificial, podem ser usados recursos tecnológicos, como: 

  • Machine learning: é uma tecnologia que cria um padrão de análise de dados, para que o programa possa se desenvolver e aprender constantemente;
  • Deep learning: é uma forma de aprendizagem mais profunda do que o machine learning,  são usados modelos de redes neurais artificiais que de forma automática vão aprender novas tarefas e reconhecer diversos dados; 
  • PNL (Processamento de Linguagem Natural): é o método que desenvolve uma conexão na comunicação entre a linguagem da máquina com a natural (humana). 

No entanto, em que situações utilizamos a Inteligência Artificial? Em quais áreas ela se encontra presente na nova era? Vamos descobrir isso no próximo tópico. 

Quais são os setores de atuação da Inteligência Artificial? 

A Inteligência Artificial causou um grande impacto em inúmeros setores, modificando a maneira do ser humano executar diversas tarefas em seu dia a dia. 

Só para exemplificar, uma forma de IA que quase todas as pessoas utilizam constantemente é o Google. Já imaginou como seria fazer pesquisas sem essa ferramenta?

Pensando nisso, considere qual foram os impactos da IA em 4 áreas de atuação específicas:

  • Educação: a Inteligência Artificial transformou o processo de ensino-aprendizagem, trazendo mais autonomia para o estudante. Esse é o caso de aplicativos educativos, como o Duolingo.

  • Saúde: auxilia no pré-atendimento a pacientes. Por exemplo, na confirmação de consultas e orientação para exames. Outro ponto é sua contribuição para o diagnóstico, por meio do reconhecimento de padrões visuais.

  • Segurança: existem câmeras inteligentes instaladas em rodovias que detectam anormalidades. Além disso, a IA aprimorou o controle de acessos eletrônicos. E com a Internet das Coisas (IoT), residências instalam sistemas de segurança automáticos que podem ser acionados e monitorados remotamente pelo smartphone.

  • Marketing: a IA ajuda a identificar o padrão de comportamento do consumidor. Dessa forma, as empresas conseguem estabelecer metas e criar estratégias que alcancem melhores resultados para o negócio.

As tecnologias da IA já fazem parte da realidade do mundo e a tendência é que aumente cada vez mais a sua utilização. Segundo uma pesquisa da SAS, Intel e Accenture, no mundo inteiro, cerca de 72% das empresas já usam Inteligência Artificial em seu negócio. 

Por isso, quem não quiser ficar atrasado e sofrer prejuízos financeiros, deve considerar quais aspectos da IA são úteis para o seu caso e como aplicá-los. Sendo assim, veja algumas vantagens do uso da IA e analise qual delas satisfaz as necessidades da sua organização. 

Quais são os impactos da Inteligência Artificial para as empresas? 

Como a Inteligência Artificial  pode afetar o seu negócio? Para ficar preparado para essa nova era da tecnologia, é essencial conhecer como a IA tem sido utilizada pelas empresas e pelo consumidor.

A Inteligência Artificial tem impactado toda a estrutura de uma organização, desde a área comercial até os sistemas de administração internos, isso ocorre devido a versatilidade de suas funções. 

Dessa forma, a IA abre o caminho para a inovação tecnológica em diversas áreas, principalmente:

Segurança 

Todas as empresas lidam com dados que precisam ser preservados. Nesse sentido, é útil investir em soluções de cibersegurança. Com o auxílio da Inteligência Artificial, a detecção de vulnerabilidades acontece de maneira mais rápida, já que o sistema consegue cruzar dados automaticamente e identificar irregularidades. 

Além disso, com os recursos do machine learning, os sistemas de pagamentos eletrônicos são protegidos contra fraudes e roubos. 

 Automatização de processos

Com a utilização das ferramentas tecnológicas disponibilizadas pela IA, muitos dos processos são automatizados. Dessa forma, os colaboradores ganham tempo para se concentrar em funções mais significativas. 

Só para exemplificar, existem os assistentes virtuais que reduzem a necessidade de marcar reuniões e lidar com outras questões burocráticas. Contando também com a função de lembretes, assim, o trabalhador pode manter a concentração em seu serviço.

Gestão 

Com as ferramentas de IA, o gestor pode facilmente ter acesso à classificação do desempenho de cada membro de sua equipe e fornecer ajuda para os que apresentam dificuldades. 

Além do mais, ocorre maior integração entre os diferentes departamentos da empresa, já que a coleta de dados e atualizações de processos são automatizadas. Assim, o gestor demora menos tempo para ter acesso às informações e pode utilizá-las para verificar as suas estratégias. 

Relacionamento com o cliente 

A Inteligência Artificial contribui para a identificação dos desejos do cliente. Por meio da análise de hábitos de consumo, é possível definir estratégias que atraiam o perfil daquele indivíduo e o motivem a fazer uma compra ou adquirir um serviço.

Outro recurso inovador é a precificação inteligente, que analisa o mercado e sugere qual o preço com maior probabilidade de concretização de vendas. Podemos citar também os chatbots, que são uma ótima opção para resolver um problema do cliente de forma simples e rápida. 

Em conclusão, o modo de vender, comprar e gerenciar estão sendo constantemente alterados de acordo com os avanços da Inteligência Artificial. Por isso, as empresas precisam conhecer as novidades da tecnologia para não ficarem desatualizadas em comparação com os seus concorrentes e não satisfazerem seus clientes

E você, acredita que sua empresa está preparada para enfrentar os novos desafios da inteligência artificial?

Postado por Kyros Tecnologia em 1 julho, 2021


Comentários