Em uma era altamente “digital” se faz necessário repensar o marketing e as estratégias das empresas para maior sucesso. Veja de que modo sites e portais podem ser otimizados tendo em vista esse desafio!

6997

Como oferecer qualidade em sites e portais na Era do Consumidor?

A chamada transformação digital, com o boom da internet, trouxe inúmeros impactos para a sociedade e as empresas. São inegáveis seus efeitos no mundo globalizado, bem como no mercado e nos negócios.

Estamos conectados a um ambiente repleto de informações e conteúdo, no qual é muito difícil separar totalmente o presencial do online. As informações circulam muito rapidamente e é um desafio reter a atenção do visitante de um site ou portal.

Deve-se inserir a boa construção de um site ou portal no planejamento estratégico da empresa. Apenas desenvolvê-lo não basta, é essencial atrelá-lo a estratégias que visem a impulsionar a visibilidade da marca, produtos e serviços, conectando-se aos interesses dos usuários. Veja o que não pode faltar no seu:

Conteúdo de qualidade

Potenciais clientes chegam às empresas em busca de conteúdo relevante. Se por um lado eles modificam esse espaço com seus comportamentos de usuário ao mesmo tempo que consomem conteúdo, por outro as empresas também se tornaram consumidoras de informação e não só geradoras, o que traz um desafio muito maior nessa dinâmica tecnológica que se desenrola e na vivência de experiências em ambiente on-line.

E em meio a essa fase em que o compartilhamento da informação aumenta, fica a pergunta: de que modo é possível explorar novas utilidades nos sites e portais para conectar esses consumidores aos produtos que mais lhe interessam? Como passar a mensagem da sua marca por meio do conteúdo que disponibiliza?

É importante pensar nisso ao desenvolver e atualizar um site, pois esse recurso tem ganhado outras funcionalidades, representando um canal não mais estático, mas que recebe e analisa informações para gerar ações.

Exemplo disso é o mobile marketing, que se tornou uma ferramenta versátil de comunicação, mesclando chatbots e tours virtuais e também proporcionando uma experiência mais próxima da realidade do usuário.

Esse conteúdo de qualidade, desenvolvido com as melhores ferramentas gera maior conversão de clientes. Nesse ponto é interessante pensar quando desenvolver um portal e quando investir em um site comum, a depender da segmentação de seu público-alvo.

Otimizações e performance

Outro fator de atenção é pensar em layout e performance elaborando um site fácil de usar e que tenha otimizações, como as de SEO, para ranquear melhor e aparecer em mais resultados nos mecanismos de busca.

Nesse caso, é crucial entender como funcionam os motores de busca e o que é interessante ter no planejamento, desde a home, tags e informações das páginas até a disposição de cada menu, arquitetura do site e navegabilidade.

Utilizar as melhores e mais adequadas ferramentas em cada caso ajuda bastante a atingir boa performance e resultados, tendo de preferência o suporte de uma equipe especializada.

Vale lembrar que deve-se testar uma solução ou projeto antes de disponibilizá-lo aos clientes finais. Isso permite ter maior clareza sobre suas vulnerabilidades e potencialidades e assim sanar antecipadamente, problemas que possam prejudicar a experiência do usuário.

Integração com CRM

Uma coisa relevante a se pensar é sobre a possibilidade de integrar seu site a uma ferramenta de CRM, que permita, além de captar clientes, que se faça gerenciamento adequado do atendimento após recebimento dos leads, tanto em processos de pesquisa, como em aquisição de produtos ou até no pós-venda.

Isso é muito importante, uma vez que assim a empresa passa a tratar o site não como ferramenta isolada, mas como algo integrado a uma estratégia maior de marketing, com potencial de fornecer informações e devolver ao mercado informações mais ajustadas e que possuam valor estratégico para as ações da empresa e de sua estratégia comercial.

Atenção às tendências

Por fim, percebe-se que as empresas inovam cada vez mais em seus sites e portais. Frequentemente nos deparamos com páginas nada convencionais, que mesclam gráficos além de um novo estilo de rolar páginas e de dispor informações. Desse modo é possível impactar o consumidor desde o primeiro acesso e mantê-lo atraído em termos de navegabilidade e usabilidade.

Para se ter uma ideia, até mesmo currículos têm sido feitos no formato de sites por meio de espaços em que profissionais têm a oportunidade de expor melhor seus trabalhos, dividir suas experiências por categorias e projetos e apresentá-los de forma dinâmica, retendo a atenção de quem recebe ou acessa essas informações. E em geral os esforços em conteúdos mais dinâmicos e ricos nos sites, ultimamente, vão além de textos, abordando, como mencionado, a utilização de hipermídia (tudo que os ajudem a atingir visibilidade e conectar o leitor à essência do conteúdo que promove), sendo que as empresas também têm feito o mesmo com seus portfólios.

Hoje sites integram depoimentos de experiências dos clientes com links para suas redes sociais também. A convergência digital permite até mesmo transmissões ao vivo e treinamentos disponibilizados on-line, como forma de reter e nutrir leads que chegam por esse canal e esperam sempre encontrar algo novo e diferente.

As pessoas, logo, ao visitarem um site, buscam sempre por um conteúdo diferenciado. Procuram espaços em que possam realizar agendamentos, baixar plug-ins ou ver demonstrações, podendo, inclusive, fazer opção por consumir as informações num design de maior apelo visual ou em um design clean, segundo aquilo com que mais se identificam.

então, tem uma ideia do que o seu site precisa? Necessita de ajuda e quer falar com especialistas de desenvolvimento para te ajudar a tirar essa ideia do papel? Fale com a gente! 

Postado por Flávio Nogueira em 10 julho, 2019


Comentários

Infográfico: Uma visão geral do cenário de TI

POSTS RELACIONADOS