O Microsoft SQL Server é um dos softwares mais populares e poderosos que reagrupam diferentes serviços e fazem o processo da data em múltiplos estágios.

608

O que você precisa saber sobre SQL SERVER

Business Intelligence ou BI, como é comumente chamado, é um termo poderoso que está em crescimento desde o ano 2000. Trata-se de um processo muito delicado, com foco na tomada de decisões baseadas em avaliações complexas e análise de grandes dados, provenientes de uma fonte múltipla e de diferentes formatos.

Para cumprir tarefas de análise de dados, muitas empresas desenvolvem softwares complexos. O Microsoft SQL Server é um dos softwares mais populares e poderosos que reagrupam diferentes serviços e fazem o processo da data em múltiplos estágios do sistema de análise, antes de conseguir um resultado final.

Quer entender mais sobre o SQL Server? Acompanhe.

SQL Server Integration Services (SSIS) é uma ferramenta de ETL com GUI (Graphic Unit Interface). Ele é um componente do Microsoft SQL Server e é usado para extrair os dados de uma ou mais fontes de dados (arquivo de Excel, FTP, banco de dados transacional, etc), a fim de transformar dados em um formato utilizável pelas ferramentas de análise e consolidá-los em um único banco de dados, armazenados no Data Warehouse.

ETL PROCESS

SQL Server Data Tools é usado para serviços de análise, relatórios e integração, e tem um ambiente semelhante ao Visual Studio (Solution Explorer, Data Sources). Uma vez criado o projeto de integração de serviços, ele será representado por um “Pacote”. Esse pacote, depois de aberto, apresentará o ambiente de trabalho do SSIS com uma caixa de ferramentas.

Além de um uso decisivo para o Business Intelligence, o SSIS também é usado em empresas para aquisições ou necessidades de consolidação de dados de várias fontes.

Por exemplo, uma empresa que recebe dados regularmente em formatos diferentes (CSV, Excel, Ftp, http ou outro) e que deseja economizar tempo, pode optar por usar o SSIS para recuperar todos esses dados, modificando cada coluna desses dados de acordo com o formato desejado e consolidar essa informação em suas bases de dados para o uso de seu negócio.

O uso de uma ferramenta ETL, no nosso caso o SSIS, permite que a empresa controle centralmente o gerenciamento de dados, impedindo-o de criar um programa de extração e formatação para cada formato de arquivo de dados de acordo com a compatibilidade de suas bases de dados.

A principal vantagem desta ferramenta reside no fato de que as possibilidades oferecidas por ela não se limitam aos blocos disponíveis na caixa de ferramentas, pois é possível, por meio de scripts, codificar novas funções. Ele permite fornecer uma extensão de recursos sem limite para o processamento da informação. Além de fornecer controle total sobre seus dados, os pacotes podem ser executados automaticamente via Job SQL no Microsoft SQL Server. A empresa pode, portanto, automatizar tarefas pré-definidas: os dados serão baixados/extraídos, modificados e consolidados no Data warehouse de acordo com os parâmetros definidos.

Hoje em dia, o processo de BI está tomando outra forma de crescimento, envolvendo as novas tecnologias como a Inteligência Artificial para tomar a decisão no lugar do ser humano e obter uma melhor solução para a pior situação.

Neste link você encontrará um vídeo com a explicação de todo o processo: https://www.youtube.com/watch?v=_71NMkd4qyM&sns=em

E então, ainda ficou com alguma dúvida sobre o SQL Server? Quer saber mais a respeito do BI e outras ferramentas? Entre em contato conosco e descubra como funcionam nossas soluções.

Postado por Achraf Naffeti em 30 novembro, 2016


Comentários

Infográfico: Uma visão geral do cenário de ti

POSTS RELACIONADOS